Rádio Líder do Vale - 24hs ao vivo - Aperte o Play e escute ----->>>
Pubicado em: ter, abr 17th, 2018

Centro de Educação Ambiental será inaugurado em Esteio

Agendado para ser aberto ao público no dia 27 de abril, o Centro de Educação Ambiental está recebendo as últimas intervenções antes da inauguração. O local, que fica junto à Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SMMA), dentro do Parque Galvany Guedes (Av, Porto Alegre, 505 – Jardim Planalto), atenderá, via agendamento, alunos das escolas de Educação Básica do Município e grupos de pessoas, realizando atividades voltadas à conscientização sobre os cuidados com o meio ambiente.
A coordenadora da Educação Ambiental, Daniela Tomaz, comenta que o espaço será uma significativa ferramenta para tratar de assuntos ambientais com o público. “Serão abordados temas bem relevantes quanto a importância do descarte consciente dos resíduos, coleta seletiva, reciclagem, bem-estar animal e a importância da água, entre outros temas. Enfim, será um espaço com mais de 30 atividades. O objetivo é expandir o assunto. Quanto maior o número de pessoas atingidas com essa temática, mais favorecida estará a ambiência do nosso Município e a qualidade de vida dos moradores”, disse.
A sala nomeada “Espaço Mundo” é um dos principais atrativos do Centro. O mobiliário foi construído com materiais reaproveitados, como caixotes, paletes, pneus e carretéis. Na entrada, foi instalada uma ecobrinquedoteca destinada ao público infantil, com brinquedos confeccionados com elementos da natureza, como pedras, folhas e galhos, ou com materiais reciclados. Ao lado, o espaço Sustentare oferecerá atividades relacionadas ao meio ambiente, com desenho e pintura.
No centro da sala, há o Cesto dos Tesouros Naturais. Cheio de materiais, como conchas, pinhas e pedras, estimulando a percepção de texturas e sensações táteis diversas. O Jardim de Cheiros propõe uma interação do visitante com a natureza, ao estimular o olfato. A Trilha Ecosensorial, composta por galhos, cascas de arroz, folhas secas, areia da praia, sementes, serragem e palhas, oferece diferentes sensações para quem caminhar ou tocar nos materiais.
Além disso, duas árvores fazem parte da decoração. Em torno de duas colunas de metal, as estruturas dos troncos foram produzidas com papel machê e as folhas, com folders usados.
No lado externo, um espaço de convivência à sombra das árvores, com mesa, bancos, poltronas, floreira, lixeiras sustentáveis, mini horta de paletes, minhocário e espiral de chás, possibilita ao visitante apreciar a natureza ou descansar.
As escolas ou grupos interessados em conhecer o novo espaço, devem entrar em contato com a SMMA através do número 3433-8180 e falar com Daniela Tomaz.